Imagem capa - 7 passos para começar a organizar seu casamento por Photometria
Pré WeddingCasamentos

7 passos para começar a organizar seu casamento

Por: Andressa Alves

Grandes eventos sempre geram grandes expectativas. E como não ser diferente com a cerimônia que irá marcar o início de uma nova etapa e celebrar a história e o sentimento do casal?

Entre expectativas e ansiedades, começar a organizar o casamento pode ser difícil justamente por não saber por onde começar. Pensando nisso, o post de hoje trás os sete primeiros passos para ajudar nesse momento.  Anotem aí!

1. Data


Definir a data do casamento logo no início permite planejar o tempo para organizar as decisões, escolhas e ações que deverão ser feitas até o grande dia. Em geral, o planejamento começa a ser feito um ano antes da cerimônia, mas existem casos em que o tempo para os preparativos é menor e precisa de maior atenção com o planejamento e o cumprimento dos prazos.

Com a data definida, estabeleça os prazos para pesquisar, escolher e contratar os serviços de salão, buffet, decoração, foto, filmagem, vestido, maquiagem, bolo, doces, lembrancinhas... Faça uma lista dos serviços que irá precisar e a deixe por perto, pois os próximos passos te mostrarão do que mais irá precisar e o que poderá ser alterado.




2. Orçamento

É importante que os noivos tenham em mente o valor disponível para gastar com o casamento. Sabendo do orçamento certo, as pesquisas e escolhas de serviços podem ser mais fáceis.

Um orçamento mais enxuto não deve ser visto como limitado. Ele exige mais pesquisas e maior criatividade do casal, e pode render uma cerimônia encantadora e uma festa inesquecível e surpreendente.

3. Tema/Estilo

O tema ou estilo da cerimônia e festa é o que vai nortear quais serviços deverão ser contratados (pega a listinha aí!), o modelo do vestido, o horário da cerimônia, o lugar, o tipo de cardápio e como será servido, a decoração, convites... Enfim, a escolha do tema é o passo fundamental da organização. Pois, além de revelar os detalhes que realmente não pode faltar, é o que vai personalizar a festa e mostrar a identidade dos noivos.

4. Lista de Convidados

Como saber a quantidade de comida e a melhor maneira de servi-la aos convidados? O lugar escolhido comporta todos os amigos e familiares? Será que há mesas e cadeiras suficientes? A bebida vai dar para todo mundo? Vai ter bem-casado (para quem quer inovar vale trocar o doce) e lembrancinhas suficientes?

A lista de convidados, mesmo que tenha alterações, deve ser uma das primeiras coisas a ser definida. Pois ela vai definir o “tamanho” da festa e será fundamental para a escolha do lugar e a organização dos serviços contratados.

5. Padrinhos e ajudantes

A escolha dos padrinhos também deve ser feita logo no início. Isso porque, eles também terão que se organizar e ajudar nos preparativos do casamento. Escolha com carinho, divida as responsabilidades com cuidado e confie sem medo. Os noivos precisam de ajuda e os padrinhos devem estar dispostos e seguros para ajudar.

Nessa etapa, alguns podem escolher por contratar um assessor de casamentos. Nesse caso, pesquise e procure indicações. A contratação desse profissional deve ser feita logo no início para que ele possa executar um serviço de qualidade.

6. Lua de Mel

Ter definido o lugar e o tempo de duração da lua mel é outro detalhe que deve ser visto no início. Embora não influencie diretamente na festa de casamento, a viagem de lua de mel afeta o orçamento de todo o planejamento.

Alguns casais ganham a viagem, outros decidem fazer depois e há aqueles que não abrem mão mesmo que a lua de mel seja curta. De qualquer modo, é preciso lembrar dos custos de passagens, estadia, refeições, passeios...  E esses valores devem estar separados do orçamento destinado à festa.




7. Lugar onde morar

Mesmo com todas as atenções voltadas ao grande dia, não se pode esquecer do que virá depois da festa. Para onde vão os noivos depois de toda a comemoração e da volta da lua de mel?

A casa dos noivos também entra no planejamento! E deve ser a prioridade na elaboração da lista de presentes. Os noivos precisam decidir juntos os itens da casa: o que já têm, o que querem e o que precisam. Pensando nos convidados, é legal deixar a lista pronta e disponível o mais cedo possível – alguns querem dar um presente legal aos noivos e para isso planejam o orçamento.


Quer mais dicas sobre casamentos? Comente as suas dúvidas e fique de olho nas atualizações do blog e nossas redes sociais!